Tudo sobre mailing: o que é, importância, boas práticas e melhores ferramentas

O mailing é útil para fazer ofertas e desenvolver o relacionamento com os clientes, mas é preciso seguir as boas práticas para ter resultados

Resultados Digitais
Resultados Digitais7 de novembro de 2022
Marketing Day 2024: Inscreva-se!

Mailing é uma estratégia usada por empresas para entrar em contato com potenciais clientes por email com o objetivo de oferecer conteúdos, produtos e serviços, gerando relacionamento e aumentando vendas.


Uma das ferramentas mais antigas entre as que são utilizadas para entrar em contato com clientes e potenciais clientes usando a internet são as listas de mailing.

Há quem se pergunte se essa estratégia ainda é efetiva nos dias de hoje. Podemos adiantar que sim. Como esse tipo de comunicação chega direto na caixa de entrada dos contatos, é uma maneira de se aproximar deles sem ter que disputar sua atenção, como ocorre em outros canais. Porém, para obter sucesso, é preciso seguir as boas práticas.

Continue a leitura do artigo para descobrir o que é mailing, qual sua importância e como fazer da melhor maneira. Confira!

eBook - 35 exemplos de Email Marketing que funcionam

99% dos consumidores checam suas caixas de email diariamente! Combine esta oportunidade com um bom modelo de Email Marketing e aproveite o potencial para prospectar, criar relacionamento e vender.

  • Sua inscrição é gratuita
  • Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade.

* Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

O que é mailing?

Mailing é uma estratégia de comunicação usada por empresas para entrar em contato com clientes e potenciais clientes, em geral por email, com o objetivo de oferecer produtos, serviços ou gerar relacionamento. 

O termo mailing também pode ser usado para se referir à lista de emails em si. Ela pode conter, além do nome e do endereço de email, outras informações, como número de telefone e site. 

Além disso, uma lista de mailing pode ser obtida de diversas maneiras, como estratégia de geração de Leads e até mesmo compra.

Para que a estratégia traga resultados, é importante seguir algumas boas práticas, como enviar conteúdos interessantes para os potenciais clientes e pedir permissão deles para entrar em contato. 

Isso evita que suas mensagens acabem parando na caixa de SPAM.

Mailing ou Email Marketing?

Para ajudar você a entender melhor o que é mailing, convém também diferenciar essa estratégia do Email Marketing

O mailing é uma estratégia que pode ser feita em diferentes canais, ainda que o mais tradicional seja o email. Esse tipo de mensagem pode ser disparada também por SMS, WhatsApp, entre outros meios.

O Email Marketing, por sua vez, é uma importante estratégia dentro do Marketing Digital. Como o nome sugere, as campanhas são enviadas somente por email.

>> Clique aqui e conheça todas as funcionalidades de Email Marketing do RD Station Marketing e assista a uma demonstração

Qual é a importância do mailing?

O mailing é uma estratégia interessante porque permite entrar em contato diretamente com clientes ou potenciais clientes. Isso possibilita não só divulgar ofertas como também estreitar laços, fazendo com que sua empresa fique na mente dos consumidores. 

Estes são alguns benefícios de investir em uma boa estratégia de mailing

Como fazer uma estratégia de mailing?

Agora você já sabe o que é e qual é a importância de uma estratégia de mailing. Vamos falar, então, sobre como colocá-la em prática. Confira as etapas:

Comece construindo uma lista de contatos

O primeiro passo para criar uma estratégia de mailing é criar uma lista de contatos. Isso pode ser feito de diversas maneiras. Há empresas, por exemplo, que optam pela compra de listas. Mas isso não é a melhor opção. 

Um bom mailing deve ter qualidade, trazendo contatos que tenham interesse no seu negócio. Além disso, ao comprar listas aleatórias, seu negócio corre risco de ir parar na caixa de SPAM. 

Por isso, por mais que a compra de listas pareça uma saída prática, o mais provável é que ela traga poucos resultados.

Mas se comprar listas não funciona, então o que fazer?

É possível criar um mailing do zero de diversas maneiras, usando, por exemplo, os dados cadastrais de clientes em uma loja ou em um site. Porém, qualquer que seja o canal de aquisição, é importante questionar se o Lead deseja receber as comunicações da empresa e dar a ele a opção de se descadastrar.

Isso é fundamental para não prejudicar o relacionamento. Lembre-se de que a eficácia do seu mailing depende do engajamento dos contatos. Caso eles não se interessem pela mensagem, você não terá sucesso e ainda pode prejudicar a imagem da empresa.

Além disso, uma boa lista deve conter mais do que nome e email, mas também outras informações, se possível, como profissão, empresa em que trabalha e histórico de compras. 

mailing email marketing

Segmente

Depois de criar sua lista do zero, é hora de segmentá-la. Não use as mesmas mensagens para se comunicar com todos os seus contatos. 

Como dissemos, para que a estratégia traga resultado, é preciso que as pessoas abram as mensagens e interajam com elas. E as chances de elas fazerem isso aumentam se os conteúdos foram compatíveis com seus interesses. 

Estes são alguns tipos de segmentação que sua empresa pode usar: 

  • Demográfica, levando em conta a localização, idade, profissão e estado civil dos contatos, por exemplo
  • Histórico de compras, considerando o que cliente já consumiu e sugerindo novas aquisições com base nisso, questionando a satisfação e estimulando relacionamento pós-venda, com novas informações para que ele tire o melhor proveito da compra feita 

Envie mensagens personalizadas e relevantes

Depois de segmentar sua lista, é hora de criar mensagens personalizadas para cada grupo. Personalize os conteúdos conforme os interesses deles.

Chame as pessoas pelo nome e procure adaptar os conteúdos e a linguagem de acordo com as preferências de cada um. Com isso, você mostra que está preocupado com as expectativas e dores dos consumidores. 

Analise os resultados

É fundamental, também, analisar os resultados da sua estratégia de mailing para implementar melhorias constantes. É recomendado acompanhar alguns indicadores de desempenho, como:

  • Taxa de entrega, para saber quantas pessoas estão de fato recebendo suas mensagens
  • Bounce rate ou taxa de rejeição, para evitar que seus emails sejam bloqueados
  • Taxa de clique, para entender o quão atrativos estão os seus títulos

Evite promoções em excesso

Falamos sobre algumas boas práticas para criar sua estratégia de mailing. Além de criar uma lista do zero, segmentar contatos e enviar mensagens personalizadas, é importante não abusar das promoções. 

Isso pode repelir os contatos e levar suas mensagens a serem marcadas como SPAM. 

Exemplos de ferramentas de mailing

Para auxiliar na sua estratégia de mailing, é possível lançar mão de algumas ferramentas:

Automação de emails

Ferramentas de automação permitem disparar emails para listas segmentadas e analisar resultados em um só lugar. No caso das plataformas de Automação de Marketing como o RD Station Marketing, é possível ainda conectar o envio de mailing com outras estratégias, como criação de Landing Pages e gestão de redes sociais.

CRM

Para contatar quem já está negociando com a área de vendas, é útil contar também com uma ferramenta de CRM. Plataformas como o RD Station CRM trazem, inclusive, templates de email que facilitam a comunicação durante as negociações.

RD Station Marieting - Email marketing

Perguntas frequentes

O que é mailing?

Mailing é uma estratégia usada por empresas para entrar em contato com potenciais clientes por email com o objetivo de oferecer conteúdos, produtos e serviços, gerando relacionamento e aumentando vendas.

Qual a importância do mailing?

O mailing é uma estratégia interessante porque permite entrar em contato diretamente com clientes ou potenciais clientes. Isso possibilita não só divulgar ofertas como também estreitar laços, fazendo com que sua empresa fique na mente dos consumidores.

Exemplos de ferramentas de mailing

Ferramentas de automação permitem disparar emails para listas segmentadas e analisar resultados em um só lugar. No caso das plataformas de Automação de Marketing como o RD Station Marketing, é possível ainda conectar o envio de mailing com outras estratégias, como criação de Landing Pages e gestão de redes sociais.

Resultados Digitais

Resultados Digitais

Veja também

Marketing
Recrutamento Inbound x Outbound: como maximizar resultados em atração de pessoas
Marketing
As 6 principais métricas de Marketing Digital para seu aplicativo mobile
Marketing
Liga dos Campeões: e se cada time fosse uma rede social?