Copy para Email Marketing: principais técnicas e como criar com a ajuda da IA

Escrever um email de Marketing e Vendas pode parecer simples, mas exige o emprego de técnicas capazes de aumentar a conversão e a eficiência do seu texto. E a IA pode ajudar nessa tarefa.

Bruna Dourado
Bruna Dourado10 de janeiro de 2024
Lançamento dos Panoramas de Vendas 2024

Se você atua na área de Marketing e Vendas, sabe que um email bem escrito pode fazer a diferença nas conversões deste canal. Isto porque um bom copy para Email Marketing vai te ajudar a mostrar o valor da sua oferta e atrair o interesse das suas personas nesse canal.

Dessa forma, investir nesse passo pode te ajudar a qualificar seus Leads e vender mais em estratégias de Marketing Digital e Inbound Marketing.

Para saber mais sobre o assunto e conhecer técnicas e ferramentas que vão evoluir seus emails, continue lendo este artigo.

O que é Copy para Email Marketing?

Copy, ou copywriting, é a arte de escrever bons conteúdos na intenção de motivar e influenciar que seu leitor tome a decisão que você deseja.

É um conjunto de técnicas muito usado na comunicação das empresas via Email Marketing. Isto porque pode ser usada em todos os estágios do funil: desde a nutrição, para conduzir o usuário ao momento da compra, até o pós-venda, ajudando seu cliente a ter sucesso com seu produto e estimulando a recompra.

Já pensou em tornar seu negócio mais lucrativo apenas aumentando a eficiência do seu copy para Email Marketing? É exatamente esse o objetivo que um time de Marketing e Vendas tem ao colocar em prática esse formato de escrita otimizada.

📖 Leia também: Copywriting: o que é, boas e más práticas, e tudo para você se tornar um(a) copywriter de sucesso [+ curso]

Porque devo me preocupar com o Copy para Email Marketing?

Você já deve ter recebido uma série de emails de diferentes empresas — e talvez ignore boa parte deles. O copy para Email Marketing é usado justamente para que a comunicação chame a atenção do destinatário e não passe despercebida em sua caixa de email.

Dessa forma, é possível otimizar o texto do assunto e do conteúdo do email, aumentando as chances do público abri-lo, consumir o conteúdo e, quem sabe, clicar no Call to Action.

No final das contas, pensar na forma que você escreve a mensagem pode parecer um pequeno passo. No entanto, pode fazer a diferença entre um envio que é ignorado pelos seus Leads e aquele que tem uma boa taxa de abertura e taxa de cliques.

O que escrever em um Email Marketing? 

O que você vai escrever no seu copy para Email Marketing vai depender de qual é o objetivo dessa comunicação. 

Se você quer chamar a sua base de Leads para um evento, precisa trazer as principais informações sobre ele e sobre como se inscrever. Por outro lado, se o objetivo é conseguir que as pessoas entrem em contato com o seu time de Vendas, vai ser preciso mostrar como a sua empresa pode ajudar e os próximos passos para que entrem em contato.

Portanto, o que você vai escrever está diretamente relacionado à etapa do funil e ao objetivo da mensagem. Mas, as técnicas de copywriting podem ser usadas independentemente do objetivo do seu email, como você verá a seguir.

Como escolher a abordagem do Email Marketing?

É possível construir uma copy para Email Marketing de diversas formas. No entanto, existem três elementos essenciais, que irão direcionar a abordagem da sua mensagem:

  • Persona
  • Call To Action (CTA)
  • Assunto do email

Persona do Lead

Para quem o email vai ser enviado? São pessoas que se inscreveram em um evento? São pessoas que demonstraram interesse no seu serviço ou produto? Já são clientes?

Definir quem é a persona que vai receber a mensagem e como você vai segmentar esses Leads é o primeiro passo. Afinal de contas, é a partir daí que você vai saber o que e como conversar com esse público, podendo até personalizar suas comunicações.

Um ponto de atenção aqui é: não compre uma lista de emails. Receber uma mensagem de uma empresa que você não se relaciona, e sequer sabe como conseguiu o seu endereço de email, pode prejudicar a imagem e a reputação online da marca.

Isto porque, quando uma pessoa recebe uma mensagem dessas, pode apagá-la ou mesmo denunciá-la como spam. Nos dois casos, você pode ser encarado pelos provedores de email como um remetente que compartilha lixo eletrônico, e cair direto na caixa de spam dos seus contatos. E isso é tudo o que você não precisa.

📖 Leia também: Segmentação de Leads: gere mais resultados com seus contatos

CTA

O CTA é a chamada para a ação do seu email, ação essa que é o objetivo principal da mensagem. É aquele texto ou botão com um link, que vai levar o destinatário para um site, Landing Page ou outra página.

Portanto, se você está divulgando um evento, o CTA é o link da página de inscrições embedado no texto “Inscreva-se agora!”, por exemplo. E esse link ou botão pode e deve estar destacado, seja por meio do negrito, de uma cor e/ou formato diferentes.

É importante notar que cada copy para Email Marketing deve ter apenas uma chamada para ação, para que o leitor não dê atenção para outros links menos importantes. É claro que toda regra tem suas exceções — mas use-as com cuidado. 

Assunto do email 

O assunto é um dos fatores mais importantes de um copy para Email Marketing. Afinal de contas, se a sua base de Leads não se interessar pelo assunto do email, e não clicar nele, não vai sequer chegar a ler seu conteúdo.

Por isso, capriche no copy do assunto, para instigar o leitor a abrir o email. Aqui, é importante ser transparente com o público, evitando simular uma situação que não existe apenas para chamar a atenção.

Além disso, os provedores de email podem classificar como spam ou até mesmo bloquear emails cujo assunto traz termos muito usados como clickbait. Confira alguns exemplos, mas não deixe de pesquisar termos específicos do seu setor:

  • Abra
  • Grátis
  • Clique
  • Crédito
  • Compre
  • Promoção
  • Renda extra
  • Liberdade financeira
  • Como ganhar dinheiro

Qual linguagem utilizar na Copy para Email Marketing?

Mais uma vez, a forma como você vai escrever o seu copy para Email Marketing vai depender do seu público-alvo e, claro, do tom de voz da sua marca.

No entanto, é importante sempre tentar manter uma linguagem clara, direta e simples. O objetivo é passar uma informação, então o ideal é que você faça isso da forma mais eficiente possível.

Ainda, nem todos os seus destinatários terão o mesmo grau de entendimento de termos e ideias específicas. Por isso, é tão importante ser simples na mensagem, garantindo que qualquer leitor entenda o que você quer dizer.

Como fazer uma Copy para Email Marketing? 

A seguir, separamos alguns passos importantes para que você crie um bom copy para Email Marketing que vai te possibilitar atingir o seu objetivo.

Siga essas etapas na hora de criar um novo texto para email, mas também lembre-se de otimizar aqueles textos que já estão prontos, rodando no seu fluxo de Automação de Marketing.

1 - Garanta que o copy entrega o que promete

Não tem nada mais frustrante para o usuário do que dar atenção a um título bastante chamativo e depois não receber o que foi prometido.

Se você chamou a atenção do leitor pelo seu título, não o decepcione. Antes de enviar um email, sempre questione: o meu conteúdo entrega o que meu título promete?

Por exemplo, se você anunciou uma oferta no título do seu email, responda ao leitor qual é a oferta, quanto o produto ou serviço custava antes e qual o valor atual. Diga, também, se a promoção tem um prazo fixo ou se valerá enquanto durar o estoque.

2 - Personalize sempre que possível

Nossos olhos já estão bem treinados em ignorar mensagens que não foram feitas especificamente para nós. Quando sentimos que a comunicação não foi customizada de acordo com o nosso perfil, não damos a menor importância.

Além disso, o consumidor espera cada vez mais personalização das mensagens e ofertas. Não é à toa que a hiper personalização é uma tendência de Marketing Digital.

Por isso, quando você está escrevendo um email, deve ter em mente que não está escrevendo para uma audiência genérica. Você está escrevendo para uma pessoa que já conhece e que tem uma conexão com você.

Portanto, pense no conteúdo como uma conversa com essa pessoa, chamando-a pelo nome, por exemplo, ou lembrando de uma dor ou necessidade que ela está procurando resolver. Assim, sua comunicação fica muito mais personalizada e as chances do usuário dar valor à sua mensagem são maiores.

Por exemplo, para qual chamada você daria mais atenção?

  1. “Querido cliente”
  2. “Olá, Bruna”

Você concorda comigo que é a opção 2, né?

💡Dica da RD: no RD Station Marketing, você consegue facilmente criar essa comunicação personalizada para o leitor de uma forma automática, usando variáveis no email. Aproveite para ver uma demonstração e entender como colocar em prática!

3 - Use uma linguagem simples

Para o escritor e autor Tom Albrighton:

If your copy seems ridiculously simple, it’s finished (em tradução livre: se sua cópia parece ridiculamente simples, está finalizada).

Imagine o quão ruim seria se o seu leitor desistisse do seu email porque não entendeu o que você quis dizer. Quando isso acontece, todo seu investimento de tempo e dinheiro na criação da campanha é desperdiçado, certo?

Por isso, para aumentar a influência da sua mensagem você precisa simplificá-la ao máximo. Seu conteúdo deve ser fácil a ponto de qualquer um entender. Assim, evite palavras complexas e, sempre que possível, use sinônimos das palavras para garantir a compreensão do usuário.

Por exemplo:

  • Na frase “nosso produto é disruptivo”, algumas pessoas podem não entender o significado de disruptivo.
  • Já na frase “nosso produto é inovador” ou “nosso produto é diferente de tudo o que você já viu”, o significado fica muito mais claro para a maioria das pessoas.

4 - Vá direto ao ponto

Quando você abre um email, sempre lê todas as palavras? Provavelmente não. Mas é provável que você procure pontos-chave para avaliar se a mensagem faz sentido e, aí sim, tomar uma ação.

Palavras em excesso tendem a confundir seu usuário e diminuir as chances de sucesso da mensagem. Portanto, encontre uma maneira de resumir o que o usuário irá obter de forma convincente e insira um CTA para a página que ele deve acessar em seguida.

Por exemplo:

  • Na frase “Gostaria de recomendar que baixe nosso eBook sobre planejamento e conheça as vantagens dessa ação. Quem planeja vai mais longe!” a mensagem ficou longa e cheia de distrações.
  • Já a frase “Baixe o eBook e conheça as vantagens!” é direta e clara.

Uma dica válida aqui é você se perguntar: essa palavra ou frase agrega valor para o meu leitor ou contribui com o meu argumento? Se a resposta for não, elimine-a.

📖 Leia também: Copy para vendas: o que é, dicas e como usar técnicas de escrita para vender mais

5 - Crie um senso de urgência

Você já comprou alguma vez na Black Friday? Já prestou atenção porque promoções desse tipo geram tantas vendas? Ela gera senso de urgência, já que somente durante as 24h da campanha você poderá comprar determinado produto com esse preço.

Dessa forma, criar um senso de urgência é uma das técnicas mais poderosas da escrita persuasiva. Isto porque, quanto mais tempo damos ao usuário para tomar uma ação, menor a probabilidade dela acontecer, já que outras distrações podem aparecer e ele se esquecer de você ou da sua oferta.

Nesse sentido, na construção de um copy para Email Marketing há dois momentos fundamentais para usar essa tática. A primeira é no título, para chamar a atenção do leitor, e a segunda ao finalizar o email, para estimular uma ação específica nesse momento.

Por exemplo:

  • Na frase “promoção de roupas femininas!” não existe urgência em aproveitar a oferta.
  • Já na frase “APENAS HOJE! Roupas femininas com até 50% OFF” o leitor sabe que a promoção tem duração limitada e, se não clicar agora, não vai ter acesso a ela em outro momento.

6 - Foque em um único objetivo

Seu objetivo não deve ser a meta de taxa de abertura e clique por si só. Essas são métricas intermediárias, que querem dizer apenas que o contato abriu o email e clicou no CTA, mas não necessariamente realizou a ação desejada, como se inscrever em um evento.

Portanto, seu objetivo principal deve estar alinhado ao propósito real da sua mensagem. Mais uma vez, se o objetivo é divulgar um evento, foque no número de inscritos que vieram da sua campanha de Email Marketing.

Aqui na RD Station, por exemplo, nós anunciamos o lançamento de novas funcionalidades de Inteligência Artificial aos nossos clientes com maior chance de se beneficiarem delas. Nosso objetivo com essa campanha não é apenas que o usuário experimente a funcionalidade, mas que faça uso contínuo dela. É assim que sabemos que nosso objetivo foi atingido.

Portanto, antes de começar seu próximo email, pergunte-se:

  1. O que eu estou buscando atingir com essa mensagem?
  2. Como sei que a minha ação teve sucesso?

7 - Use uma linguagem acionável no seu CTA

Você sempre deve deixar claro o seu objetivo ao leitor. Portanto, ele deve ser capaz de responder em poucos segundos porque você está enviando o email e o que é esperado que ele faça. E a melhor forma de conseguir isso é criando um bom Call To Action.

Usar uma linguagem acionável, com verbos no imperativo ou infinitivo, aumenta a eficiência do seu CTA, já que direciona o leitor a agir.

Veja alguns exemplos de CTA abaixo:

  • Compre agora
  • Baixe o novo eBook
  • Pegar meu cupom de 30% de desconto
  • Quero receber uma ligação e melhorar minhas vendas!

Por fim, tente deixar seu CTA na primeira dobra, ou seja, sem que o usuário tenha que descer a barra de rolagem para encontrá-lo. Isso porque, boa parte das pessoas não vão rolar o email até o final e podem nem ver que você está sugerindo uma ação.

8 - Faça as perguntas certas

Uma técnica de persuasão bastante famosa, porém que raras pessoas realmente dominam, é fazer a pergunta certa ao leitor. A pergunta certa é aquela cuja única resposta é sim.

Uma vez que você encontrou a pergunta certa e recebeu seu primeiro sim, o leitor estará muito mais disposto a dizer novamente sim para você.

Por exemplo:

  • Você não vai ficar de fora, vai?
  • Quer aumentar seus lucros e deixar seu concorrente para trás?
  • Você concorda comigo que…?
  • Você percebeu que esse é o melhor preço…?

Conseguiu perceber o quanto essa técnica estimula o leitor a responder o que queremos?

Portanto, ao finalizar um email usando essa técnica, você deve se questionar: o leitor está dizendo sim? Ele começou a se perguntar como pode fazer algo?

9 - O foco do copywriting é o seu usuário!

Por fim, nunca se esqueça de que o foco do seu copy para Email Marketing é o usuário e não você.

Você só ficará em evidência quando conseguir conquistar a atenção do seu público e se tornar realmente relevante para ele. Esse sim será o momento de falar sobre você.

💡 Dica da RD: Se você quer se aprofundar no assunto, inscreva-se no curso Copywriting: os segredos dos textos que convertem, da RD University!

Exemplos de copy para Email Marketing

Separamos alguns exemplos para você ver na prática como é possível criar diferentes versões de copy para Email Marketing usando as dicas que aprendeu aqui.

Email Marketing para divulgar eventos

Um dos exemplos que usamos aqui é o email de divulgação de um evento. Para entender na prática como aplicar as técnicas de copywriting nesse caso, veja o exemplo abaixo, de um email usado para divulgar a Imersão em Planejamento para Lideranças de Marketing e Vendas 2024:

Email Marketing para divulgar promoções

Se o seu objetivo é divulgar uma promoção, você vai precisar ser ainda mais persuasivo. Para isso, uma boa dica é entender a dor da sua persona e usá-la como argumento.

Confira o copy abaixo, de um email usado para divulgar ofertas de Black Friday:

Use o Gerador de Copy para Email Marketing da RD Station

Se você quer ser mais eficiente na hora de criar uma copy para Email Marketing, agora pode contar com o Gerador de Copy para Email da RD Station!

Essa é uma ferramenta gratuita de Inteligência Artificial, desenvolvida e treinada pela RD Station especificamente para gerar textos que seguem as boas práticas de copy para email. Isto quer dizer que a ferramenta irá entregar resultados mais adequados, que podem ser utilizados para ganhar eficiência na sua estratégia de Email Marketing.

Para usar, basta inserir o objetivo do seu email, o destinatário e o remetente e clicar em gerar email. Depois, você pode otimizar alguns detalhes, usando as dicas que aprendeu neste artigo, e o texto já está pronto para ser enviado!

O Gerador pode ajudar profissionais de Marketing, Vendas e empreendedores a criarem textos para chamar a atenção e converter por email. No fim das contas, você terá mais tempo para focar na estratégia e conquistar resultados cada vez melhores.Acesse agora o Gerador de Copy para Email da RD Station e aproveite a ferramenta!

Bruna Dourado

Bruna Dourado

Quem escreveu este post

Bruna Dourado é Produtora de Conteúdo na RD Station. Formada em Publicidade e Propaganda, com Pós-Graduação em Marketing e Growth e mais de 8 anos de experiência no Marketing Digital, em empresas de Tecnologia, Inovação e Marketing.

Veja também

Marketing
5 dicas para aumentar as matrículas no site de sua Instituição de Ensino
Marketing
Enriquecimento de Leads: o que é e como isso pode encurtar o seu ciclo de vendas
Marketing
O que é e como criar um mapeamento de processos