[GUIA] Gestão de Ecommerce: saiba o que é e como fazer 

Descubra tudo sobre gestão de Ecommerce, desde estratégias até dicas essenciais. Veja um guia completo para impulsionar seus negócios online.

Denise Costa
Denise Costa26 de junho de 2024
Inscreva-se gratuitamente!

Começaremos este artigo com uma analogia entre Ecommerce e corpo humano - sim, mesmo sendo assuntos distintos, existem algumas semelhanças. Sabe por quê? Assim como o coração é essencial para o funcionamento do corpo, a gestão de Ecommerce é igualmente importante para que uma loja virtual gere bons resultados.

Desde o planejamento estratégico até a entrega do produto, passando pela experiência do cliente e pela análise de dados… Cada parte do processo é fundamental para aqueles que buscam construir uma marca forte e lucrativa no mundo digital.

Mas, como aliar todas essas ações de maneira eficaz para aumentar a visibilidade, impulsionar as vendas e criar relacionamentos duradouros com os clientes? A resposta está neste conteúdo, que servirá como um guia para você. Vamos mostrar o que é e como funciona a gestão de Ecommerce, bem como dar dicas práticas para gerenciar a sua loja online com sucesso. Boa leitura!

Mas, antes, temos um convite para você!

Inbound Marketing para Ecommerce em 2024

Se você quer transformar visitantes da sua loja virtual em clientes, precisa participar do webinar gratuito Inbound Marketing para Ecommerce. No dia 15/08/2024, a partir das 14h, especialistas vão compartilhar dicas práticas e o caminho para atrair novos clientes, que compram com recorrência e indicam sua marca. 

O que você vai aprender no webinar:

  • construir uma presença online que traz novas vendas;
  • automatizar estratégias de Inbound Marketing para vender mais;
  • aplicar estratégias para atrair mais clientes na Black Friday (e antes dela).

Não dá pra perder, ein? Então inscreva-se gratuitamente agora e aproveite para indicar o evento nas suas redes sociais e concorrer a prêmios!

O que é gestão de Ecommerce?

De acordo com as previsões da ABComm, o faturamento das lojas virtuais no Brasil em 2024 poderá atingir quase R$ 205 bilhões. Esse número representa um crescimento de 10,45% em comparação com as estimativas do ano passado.

Isso demonstra o quanto o setor de Ecommerce segue crescendo e se consolidando como um modelo de negócio confiável e estabelecido, atraindo cada vez mais empreendedores para este nicho de vendas. 

No entanto, apenas 34% das empresas de Ecommerce bateram metas de Marketing segundo o Panorama de Marketing e Vendas 2024, produzido pela RD Station.

dados da gestão de Ecommerce no Panorama de Marketing e Vendas da RD Station.

Olhando para o mercado, fica claro que ter sucesso na área pede muito mais do que simplesmente escolher trabalhar, criar uma plataforma e listar produtos. É preciso ter uma gestão de Ecommerce eficiente!

📖 Leia também: Gestão de Ecommerce: 11 estratégias para uma boa administração da sua loja virtual

Na prática: imagine que você tem uma empresa de maquiagens com estoque parado e decide abrir uma loja virtual. Além de criar a plataforma e listar os produtos, é essencial implementar a gestão de Ecommerce para identificar demandas e desenvolver estratégias, como promoções e campanhas, adaptando-se às necessidades dos clientes e ao mercado.

Ou seja, a gestão de Ecommerce envolve planejamento, execução e monitoramento das atividades de uma loja online. E, para isso, é preciso coordenar áreas como Vendas, logística, Marketing e tecnologia. Portanto, para ter sucesso, não basta simplesmente criar um site, você precisa dar atenção a todos esses aspectos também. 

📖 Veja mais: E-commerce: por que e como investir em venda online?

Para que serve a gestão de Ecommerce?

É fato: para dar certo, um Ecommerce precisa de acompanhamento rigoroso, principalmente por conta das suas operações online. Nesse contexto, a gestão do Ecommerce é muito importante, já que demanda integração de todas as áreas envolvidas para planejar, monitorar e organizar os processos, garantindo uma boa experiência ao cliente.

Na prática, ela atua como um elo entre todos os setores da loja virtual, oferecendo uma visão clara e completa do desenvolvimento do negócio. Para entender melhor, vale conhecer um pouco sobre os nichos que a gestão do Ecommerce cobre e o que cada um faz:

  • Financeiro: controla e analisa os recursos monetários do negócio.
  • Estoque: gerenciamento da distribuição dos produtos da loja virtual.
  • Marketing: foca em comunicação, divulgação do Ecommerce e produção de conteúdo para atrair novos clientes e gerar reconhecimento de marca no digital.
  • Comercial: responsável por realizar novas vendas e fechar parcerias.
  • Logística: cuida do processo de entrega das encomendas aos clientes e do relacionamento com fornecedores.
  • Atendimento ao cliente: presta suporte ao cliente antes, durante e depois da compra.
  • Tecnologia: apoio no funcionamento do site para garantir uma boa experiência ao usuário.

📖 Leia também: Marketing Digital para Ecommerce: como gerar resultados na sua loja virtual

Veja como fazer a gestão de Ecommerce em 7 passos 

Para conquistar uma gestão de Ecommerce de sucesso, é preciso ter um ponto de partida. Quer colocá-la em prática no seu negócio virtual, mas não sabe como? Vamos ajudar você com estes 7 passos essenciais:

1. Comece pelo planejamento

De acordo com o IBGE, 21% das empresas não sobrevivem ao primeiro ano de atividade. Um estudo do Sebrae indica que a falta de planejamento, especialmente em empresas de pequeno e médio porte, é um dos principais motivos para isso.

Neste sentido, o ponto de partida para uma gestão de Ecommerce bem-sucedida é ter um planejamento estratégico detalhado, com:

  • público-alvo;
  • metas de vendas;
  • estimativa de custos;
  • avaliação de investimento;
  • cronograma de implementação;
  • escolha de canais de vendas;
  • projeção de ROI;
  • definição de estratégias;
  • comunicação clara;
  • análise de concorrência;
  • formato de operação.

2. Selecione parceiros e ferramentas de qualidade

Para gerenciar um Ecommerce de forma eficaz, escolha os melhores recursos e parceiros, desde a plataforma para construir a loja até os sistemas de pagamento.

Se não precisar de muita personalização, use plataformas pré-prontas para economizar tempo e dinheiro. Além disso, escolha um provedor de pagamento confiável e com variadas opções (cartão, PIX, boleto, etc.). Isso pode impactar positivamente nas suas vendas.

 3. Gerencie seu estoque

Para gerenciar seu estoque da melhor forma, é importante considerar alguns pontos-chave: organização, localização adequada, fornecedores confiáveis e recursos financeiros disponíveis. O objetivo final é garantir que os produtos desejados estejam à disposição, evitando que as coisas fiquem paradas por lá.

Uma estratégia inteligente neste quesito é integrar o estoque físico com o online. Essa ação evita problemas futuros, como vender um item em duas plataformas simultaneamente, o que poderia frustrar os clientes.

4. Aposte nos seus canais de venda 

Já diz o ditado: não coloque todos os ovos na mesma cesta. Essa frase também se aplica aos canais de venda da sua loja virtual. Se você deseja expandir os seus negócios, disponibilize os seus produtos em várias plataformas para alcançar mais clientes em potencial.

Segundo uma pesquisa realizada pelo All INN em parceria com a Opinion Box, 75% dos consumidores online utilizam as redes sociais para procurar produtos. Que tal incluí-las em suas estratégias de vendas?

5. Marketing é tudo

Quem não é visto, não é lembrado. Em outras palavras, para vender, você precisa promover seus produtos em vez de depender apenas da sorte para atrair clientes. Por essa razão, investir em Marketing é essencial! 

Quando se fala em Marketing Digital, são diversas as maneiras de conquistar bons resultados: criar material, investir em publicidade paga, apostar em influenciadores, fazer parcerias, otimizar conteúdo com SEO, implementar automação de emails, etc. O importante é entender o seu mercado e ajustar sua abordagem sempre que necessário.

6. Segurança é a chave

Para ganhar a confiança dos usuários, você precisa criar um ambiente virtual seguro, e isso faz parte da premissa de uma boa gestão de Ecommerce

Por isso, forneça informações claras sobre a sua empresa e ofereça canais de contato que realmente são utilizados. Exibir selos, como Site Blindado e Ebit, e garantir a proteção contra fraudes e os preceitos da LGPD são táticas importantes para reforçar a credibilidade da marca.

7. Gere relatórios com dados

Só despachar as caixas para entrega não garante bons resultados no fim do mês. Você precisa monitorar sua loja para entender o desempenho do negócio e identificar áreas de melhorias e possíveis ajustes nas suas estratégias.

Com o controle financeiro dentro da gestão de Ecommerce, é possível gerenciar as finanças de forma mais precisa, acompanhando receitas, despesas e lucros por meio de relatórios detalhados, para tomar decisões baseadas em dados. 

Melhores dicas para ter uma gestão de Ecommerce eficiente

Ainda está perdido ou precisa de um empurrãozinho para fazer sua gestão de Ecommerce evoluir e seu negócio impulsionar de vez no mercado online? A gente lista algumas dicas básicas, mas que fazem a diferença no dia a dia:

  • Selecione uma plataforma que satisfaça as exigências da sua empresa durante toda a jornada de compra. O RD Station pode ajudar nessa, aproveite para ver como a plataforma funciona nessa demonstração gratuita!
  • Você está controlando bem o seu estoque? Garanta que os produtos estejam disponíveis tanto para quando receber uma compra, quanto para entregar o item. Uma dica: mantenha parcerias sólidas com fornecedores confiáveis.
  • O atendimento ao cliente é peça-chave de uma venda bem-sucedida. Por isso: responda rapidamente às dúvidas, comunique-se de maneira clara e, acima de tudo, seja simpático. Assim, a experiência de compra com certeza será satisfatória. Para um atendimento digital ágil e em um só lugar, a dica é apostar no RD Conversas.
  • A palavra-chave do sucesso de uma gestão de Ecommerce é… aprimorar! Vá atrás de tendências, novidades, mudanças de preferências, público-alvo etc. Assim, é possível entregar uma imersão completa aos seus clientes. 

💡 Dica da RD: Não sabe como planejar estrategicamente o dia a dia da sua empresa para crescer de forma sustentável? Veja este conteúdo com tudo o que não pode faltar na hora de criar o seu planejamento estratégico. Ainda dá tempo de fazer acontecer!

Coloque a gestão de Ecommerce em prática

Se você quer começar a gerir sua loja virtual com mais eficiência, vai precisar de algumas ferramentas para colocar sua estratégia em prática. Principalmente quando falamos em Marketing, é importante contar com plataformas de envio de envio de email, produção de Landing Pages e popups, automação de fluxos de nutrição e análise de dados.

Mas calma, você não precisa de várias ferramentas para ter todas essas funcionalidades. É possível colocar em prática ações de atração, conversão e relacionamento com uma única ferramenta.

Confira na imagem abaixo a atuação da Duo Studio, parceira Diamond da RD Station. Foram criadas campanhas de email usando o RD Station Marketing, atraindo visitantes para o site de um cliente de informática, com ofertas e estratégias de nutrição. E o melhor? Tudo isso se transformou em vendas!

gestão de ecommerce na prática no RD Station Marketing

Já no print a seguir, é possível ver o funil de vendas de um Ecommerce de nutrição e suplementos, também cliente da Duo Studio. o dashboard do RD Station Marketing destaca os percentuais de conversão de visitantes para Leads, oportunidades e vendas. Dessa forma, é possível acompanhar os resultados de toda a estratégia de forma visual e clara.

Vale lembrar que as médias de mercado de Ecommerce geral são:

  • 3% de conversão de visitantes para Leads;
  • 21,1%; de Leads em oportunidades;
  • 61,4% de oportunidades em vendas.
gestão de ecommerce na prática no RD Station Marketing

Se você está em busca de resultados tão incríveis como estes, com apoio de uma ferramenta que atraia, converta e fidelize clientes para seu Ecommerce, acabou de encontrar. Assista a esta demonstração gratuita e entenda como a ferramenta pode te ajudar a vender mais na prática!

Denise Costa

Denise Costa

Quem escreveu este post

Denise Costa é formada em Jornalismo pela Universidade de Caxias do Sul (UCS). Atualmente, é Coordenadora de Redação na Duo Studio, agência digital 360º e software house com 10 anos de história e mais de 150 colaboradores em áreas multidisciplinares.

Veja também

Ecommerce
Ecommerce: o que é, exemplos, tendências e dicas para crescer
Ecommerce
Vendas Online: 6 melhores dicas para atrair clientes e ter sucesso
Ecommerce
Inbound Marketing para Ecommerce