Linhas editoriais nas redes sociais: saiba o que são, qual a sua importância e um passo a passo para criar as suas

A linha editorial de um perfil em uma rede social deve levar em conta o interesse do público-alvo e os objetivos estratégicos da empresa

Larissa Patines
Larissa Patines21 de junho de 2023
Curso de Instagram e TikTok gratuito

Numa estratégia para construção de autoridade e atração de potenciais clientes, as redes sociais são indispensáveis como canais de distribuição do conteúdo produzido pelo time de marketing digital da sua empresa. Mas para que funcione, o uso das redes não pode ser feito de maneira amadora nem aleatória, sendo essencial definir e seguir linhas editoriais nas contas utilizadas pela empresa.

É assim que crescem as chances de maior conexão com seus clientes e, por consequência, de maior engajamento e visibilidade do que é compartilhado no Instagram, Facebook, LinkedIn, Twitter, TikTok, YouTube e WhatsApp.

“Mas será que preciso mesmo pensar em linhas editoriais?”, você pode se perguntar.

A resposta é SIM, em caixa alta para reforçar não só a necessidade de agir de modo estratégico, mas também de considerar o universo de oportunidades que são as redes sociais porque os brasileiros definitivamente vivem de olho em seus smartphones.

O estudo mais recente sobre as redes mais usadas apontou que passamos, em média, 3 horas e 46 minutos por dia conectados às redes sociais, saindo do 6º para o 2º lugar no ranking mundial de usuários ativos – atrás apenas dos nigerianos, que ficam quase 1 hora a mais que nós postando, curtindo e compartilhando conteúdo.

Neste cenário, como conquistar a atenção do seu futuro cliente? É o que você confere neste artigo, onde apresentamos a importância das linhas editoriais para vencer esse desafio. Você também confere a diferença entre linha editorial, calendário editorial e tom de voz, e um passo a passo para criar linhas editoriais eficazes para suas redes sociais.

RD Station

Aprenda o que realmente importa em Marketing Digital e Vendas com quem entende de verdade

Mais de 200 mil pessoas já se desenvolveram com os cursos da RD University. Comece agora você também!

  • Sua inscrição é gratuita
  • Ao preencher o formulário, concordo * em receber comunicações de acordo com meus interesses.
  • Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de privacidade.

* Você pode alterar suas permissões de comunicação a qualquer tempo.

O que são linhas editoriais para redes sociais?

Mas antes de tratar sobre a importância, o que são linhas editoriais para redes sociais?

O termo “linha editorial” tem origem no jornalismo, e serve tanto para o público quanto para os profissionais do veículo terem clareza sobre o que está por trás da seleção dos assuntos e da abordagem com a qual cada fato será tratado. Isso leva em conta diferentes fatores, desde interesses econômicos e políticos até mercado de atuação e perfil do público-alvo.

No Marketing Digital, o conceito é praticamente o mesmo ao ser aplicado no planejamento de conteúdo para canais da empresa na internet. Ou seja, tem relação com a definição dos temas e das abordagens do que será publicado nas diferentes redes sociais utilizadas pela empresa.

No contexto do Instagram, Facebook e outras redes sociais, portanto, linha editorial é a definição dos temas e abordagens que terá o conteúdo publicado no perfil de cada marca.

>> Leia mais: Posicionamento de marca: entenda o que é e qual a sua relevância estratégica

Qual a importância das linhas editoriais?

Sabendo o que são, agora você aprende que as linhas editoriais são essenciais para garantir que o conteúdo que sua empresa compartilha em suas redes sociais seja consistente, relevante e valioso para o seu público.

Elas ajudam a definir a direção do seu conteúdo, garantindo que ele esteja alinhado com a sua marca e os objetivos do seu negócio. Na prática, as linhas editoriais ajudam a criar laços com seus seguidores e assim podem ajudar a aumentar o engajamento, a lealdade à marca e a conversão de clientes.

Por exemplo: datas importantes para o segmento, curiosidades sobre o dia a dia da empresa e conteúdos informativos relacionando as dores dos consumidores com os produtos e serviços oferecidos pela marca.

Desse modo, um bom conteúdo nas redes sociais, planejado segundo a definição da linha editorial, ajuda a disseminar a identidade da marca e posicioná-la como uma referência na área em que atua.

Entre os que não adotam uma linha editorial para suas redes sociais, a maior dificuldade está justamente em criar algum tipo de identificação ou referência na mente do público. Isso ocorre porque não há uma unidade naquilo que é publicado.

Falta um fio condutor que mostre a empresa em todos os seus aspectos – dos produtos e serviços que comercializa, mas também seus posicionamentos sobre diferentes questões – sociais, ambientais, culturais, por exemplo.

Diferença entre Linha Editorial, Calendário Editorial e Tom de Voz

Antes de prosseguir, vamos esclarecer uma confusão que muitos ainda fazem: linha editorial, calendário editorial e tom de voz são conceitos interligados, mas que possuem funções distintas em uma estratégia de marketing digital. Veja qual a diferença entre cada um dos termos.

Linha Editorial

A linha editorial é a diretriz que orienta o tipo de conteúdo que a empresa estabelece. Reflete a personalidade da marca, os objetivos do negócio e os interesses do seu público-alvo.

Calendário Editorial

O calendário editorial é uma ferramenta de planejamento que ajuda a organizar e programar o conteúdo que será publicado nas redes sociais e em outros canais digitais da empresa (como os blogs).

Tom de Voz

O tom de voz é a personalidade e a emoção que caracteriza toda a comunicação da empresa. Para ser eficiente e perceptível, deve ser consistente em todas as plataformas e refletir a personalidade da marca.

Passo a passo para criar linhas editoriais nas redes sociais

Confira a seguir o guia para definir as linhas editoriais para as empresas sociais da sua empresa. Além dos passos sugeridos, leve em conta as particularidades do seu negócio e segmento e, principalmente, sua atuação nos meios digitais, onde podem estar boas pistas sobre o que funciona e o que não funciona entre seus seguidores/clientes.

Vamos lá?

Entenda de forma clara seus produtos e serviços

Antes de criar sua linha editorial, você precisa entender claramente o que sua empresa oferece. Para isso, responda perguntas como:

  • Quais são os benefícios dos seus produtos ou serviços?
  • Como eles podem resolver os problemas dos seus clientes?

Mapeie público-alvo e comunidades

Não dá para começar um trabalho de Marketing de Conteúdo nas redes sociais sem saber qual é o perfil do público com o qual a marca quer se comunicar:

  • Qual a sua faixa etária? 
  • Quais seus interesses? 
  • Quais redes sociais mais utiliza e em quais comunidades está inserido?

Encontre um nicho específico

Identifique seu público-alvo:

  • Quem são eles?
  • Quais são seus interesses e necessidades?

Ao entender seu público, você pode criar conteúdo que ressoe com eles.

Analise o mercado como um todo

Examine a concorrência e o mercado em geral. Busque respostas para questões como:

  • O que eles estão fazendo bem?
  • Onde eles estão falhando?

Use essas informações para informar sua própria estratégia.

Definir objetivos e estratégia

O objetivo genérico da produção de conteúdo para redes sociais é posicionar a marca no mercado, atraindo a atenção do público-alvo. Mas esse objetivo deve ser refinado em metas mais objetivos. 

  • Qual o benefício prático que você espera obter ao postar em uma rede social?

Esse objetivo pode ser simplesmente obter mais tráfego para o site ou blog da empresa. Ou então aumentar as vendas em uma loja virtual, integrando a oferta de produtos à plataforma da rede social.

Outras metas podem ser a geração de Leads e a ampliação da visibilidade da marca, monitorando métricas como o alcance e engajamento obtidos por cada publicação.

>> Leia mais: SMO (Social Media Optimization): o que é e como otimizar seus conteúdos para as redes sociais

Definir os assuntos

Chegou o momento de definir quais os temas que serão abordados nos conteúdos publicados nas redes sociais. Muitos são intuitivos. Exemplo: a linha editorial em um perfil de uma marca de moda feminina naturalmente vai incluir posts sobre as coleções e descontos especiais para o Dia das Mães.

Mas algumas ideias diferentes podem ser obtidas, por exemplo, com ferramentas de SEO como o Semrush. Já a área “As pessoas também perguntam” na página de resultados do Google dá boas ideias sobre dúvidas específicas dos usuários em relação a determinado assunto.

Liste as principais dúvidas do seu cliente

Identifique as perguntas e preocupações mais comuns dos seus clientes. Use essas informações para criar conteúdos que respondam a essas perguntas e alivie essas preocupações.

Crie categorias de conteúdo

Finalmente, crie categorias de conteúdo com base nas informações coletadas. Essas categorias formam a base da sua linha editorial e ajudarão a garantir que seu conteúdo seja diversificado e interessante, além de facilitar a produção dos conteúdos, sem prejuízos de implantar uma rotina frequente e constante de atualização das redes sociais.

Criar um calendário editorial

Mapeados os assuntos a serem abordados e considerando os objetivos traçados, deve ser criado um calendário editorial, no qual você vai planejar com antecedência as postagens e sua distribuição no decorrer dos dias.

Essa organização é essencial para publicar com regularidade, uma característica muito importante para a eficácia da estratégia. Vale mais a pena postar poucos conteúdos por semana, mas de forma regular e equilibrada, do que publicar dois posts por dia em uma semana e depois ficar vários dias sem atualizar os perfis nas redes sociais.

 A função Agendamento de Posts do RD Station facilita a organização do calendário editorial. 

Você pode publicar de uma vez só todos os seus posts nas suas redes sociais, agendando o melhor dia e horário para seu público. E ainda consegue analisar dados do seu alcance para otimizar suas estratégias.

Avaliar métricas e resultados

A linha editorial norteia os conteúdos, mas não deve ser engessada, sendo passível de ajustes, a partir da avaliação de métricas como:

  • Alcance: é a quantidade de pessoas que visualizaram o conteúdo que você postou. Esse alcance pode ser orgânico ou impulsionado (pago).
  • Engajamento: essa métrica mede a interação (curtidas, comentários e compartilhamentos) dos usuários com a publicação.
  • Taxa de cliques: conhecida pela sigla CTR (click-through rate), essa métrica representa o percentual de cliques em relação às visualizações de um post.
  • Taxa de conversão (compras): plataformas de ecommerce podem medir o percentual de usuários que colocaram produtos no carrinho ou efetuaram compras a partir de posts nas redes sociais.

Taxa de conversão (Leads): mede quantos usuários compartilharam dados espontaneamente com a marca a partir de um post (para baixar um material rico ou obter mais informações sobre um produto, por exemplo).

Para saber mais sobre esse tema, leia também o post Como as métricas em redes sociais podem ajudar no seu marketing.

Use o RD Station Marketing para gerar Leads nas redes sociais

As linhas editoriais são uma forma de chegar até o usuário e capturar seu interesse. Depois que ele já está envolvido com a marca, a ponto de passar seus dados e querer continuar o relacionamento, entra em cena a automação com a plataforma RD Station Marketing.

Se o usuário compartilhou seu email a partir de um clique ou interação nas redes sociais, você pode automatizar o disparo de mensagens relacionadas a assuntos que sejam do interesse dele e, assim, converter uma venda ou fidelizar clientes. Quer entender melhor como isso funciona? Conheça a funcionalidade de automação RD Station Marketing.

E já que estamos falando de redes sociais, que tal acrescentar a “cereja do bolo” com a ajuda do RD Station? Vamos gerar mais Leads com o Instagram?

Teste grátis a funcionalidade de criar uma página de Link na Bio para divulgar múltiplos canais digitais (site, redes sociais, materiais ricos, promoções exclusivas, lançamentos, entre outros), em um único lugar. Com ela, você mplie suas chances de conversão e de acesso a informações estratégicas sobre seus conteúdos e seguidores.

Veja abaixo uma tela do editor e clique na imagem para saber mais! Você também poderá iniciar um teste gratuito do RD Station Marketing ou, se prefirir, assistir a uma demonstração.

Larissa Patines

Larissa Patines

Veja também

Marketing
Facebook permite eventos online pagos para pequenos negócios
Marketing
Como o Grupo Educacional Famart aumentou vendas e produtividade usando o RD Station CRM
Marketing
Dica de SEO #4: Cadastre seu site no Bing Webmasters e envie o sitemap