Acesse sua conta

Blog de Marketing Digital de Resultados

RD Station: Tudo o que precisa saber sobre Marketing Digital e Vendas

O funil de Inbound Marketing: conheça as suas 5 fases na prática (parte 1)

A atração é a primeira etapa do funil do Inbound Marketing. Neste momento inicial, é fundamental criar conteúdos que atraiam visitantes para os seus canais e que, através de ofertas relevantes, consiga convertê-los em leads para a sua jornada.

Hoje em dia podemos facilmente encontrar muita informação sobre o funil de vendas e os seus estágios assim como o Inbound Marketing, este post não foge à regra, o objetivo é poder de uma forma clara e simples explicar como funciona cada etapa e o que pode ser feito.

Neste post, vamos falar da primeira das 5 etapas do funil do Inbound Marketing que é a atração. Esta fase é crucial para gerar atenção e conhecimento do seu negócio, de forma que consiga tornar-se uma referência dentro do segmento.

Funil do Inbound Marketing: a atração – de visitantes a Leads

Atração: Inbound Marketing

Um dos grandes desafios das empresas que estão online é o de atrair visitantes para os seus canais, principalmente se pensarmos que o alcance orgânico é cada vez menor. No entanto, é preciso atrair visitantes para que através de conteúdos relevantes, consiga inserí-lo na sua jornada de compra e, aos poucos, através da construção de um relacionamento, seja possível fazê-lo chegar a decisão de compra.

Para que os resultados da sua estratégia de Inbound Marketing seja efetivo, é fundamental planear e definir a jornada do consumidor, assim como a definição de pelo menos uma persona para o seu negócio. Com essas definições, poderá iniciar o desenvolvimento dos conteúdos para garantir a atração dos visitantes para o seu website, blog ou qualquer outro ponto de conversão.

A etapa de atração é a primeira do funil do Inbound Marketing, portanto é crucial para o sucesso de toda a estratégia e manutenção do funcionamento da sua máquina de vendas.  Para que atenda os objetivos e metas da empresa, é precio que a equipa de Marketing e Vendas discutam e estejam alinhadas sobre o que se pode fazer em cada fase do funil. Afinal, as duas equipas precisam trabalhar de mãos dadas para que os resultados tão esperados sejam alcançados até o final do mês.

Qual estratégia usar na fase da atração

No Inbound Marketing a equação é simples: Se não tiver uma boa estratégia e um bom plano de comunicação para os seus canais, a probabilidade de gerar visitas torna-se reduzida. Por consequência, sem um volume de visitantes, reduz ainda mais a possibilidade de convertê-los em Leads. O problema? Os Leads são as suas oportunidades futuras de vendas, o que prejudica todo o funcionamento da sua estratégia.

Na etapa de atração é preciso planear e desenvolver conteúdos que atendam as dores da sua persona. O tipo de material para atrair visitante é o chamado de Topo do Funil (ToFu). Isso significa a criação de materiais que respondem as dúvidas relacionadas ao seu segmento e aos problemas que o seu produto/serviço resolve. É dessa forma que conseguirá fazer-se visível nas ferramentas de pesquisa.

Os conteúdos a adotar nesta fase é informação e bastante objetivos. Tenha em mente que nesta etapa, em momento algum deve de falar de valores do seu produto/serviço. O mais importante é garantir que o visitante que foi atraído por tal conteúdo, sinta-se interessado em carregar no Call to Action (CTA), deixando alguns dados (email, nome, empresa etc.) em troca de um conteúdo relevante como, por exemplo, um eBook ou um Webinar.

Existem inúmeras possibilidades de conteúdos para o Topo do Funil. Os blog posts tem grande importância para aqueles que estão a descobrir a sua empresa, assim como eBooks introdutórios e Webinars. Além disso, pode investir numa newsletter com foco total na atração.

 

Não adianta só produzir conteúdos, é preciso partilhar os conteúdo para garantir que eles cheguem até à sua persona. Há excelentes canais que geram a atração dos visitantes e a sua empresa precisa estar presente. Conheça algumas possibilidades:

Lembre-se que todos estes canais devem ser pensados durante a fase de desenvolvimento da estratégia. Não pense em quantidade, mas sim na qualidade. Afinal, do que adianta ter um perfil em dez redes sociais e não mantê-los ativos.

É importante ter em consideração que nesta primeira fase o visitante não conhece a sua empresa, será a primeira vez que vai visualizar estes conteúdos. Por isso, desenvolva um planeamento estratégico para captar a sua atenção, garantindo assim o início de um relacionamento de longa duração e que transforme-se em resultados de verdade.

Marcadores:

Deixe seu comentário